A fórmula dos maiores influenciadores digitais do Brasil

Espalhe

Ler artigo anterior:

"Micro-momentos hoje: tendências reveladas pelo Google"

Em Google | 0 comentários

Desde 2015, o Google realiza, em parceria com o Instituto Provokers, uma pesquisa para descobrir quem são os maiores influenciadores entre as personalidades brasileiras. Em 2017, cinco entre as dez maiores celebridades do país são YouTubers, com Whindersson Nunes ocupando o primeiro lugar na lista.

Pelo terceiro ano consecutivo, o Google apresenta a pesquisa “Os Influenciadores – Quem Brilha na Tela dos Brasileiros” e reafirma a força dos YouTubers do nosso país entre as celebridades de vídeo. E se você acha que esse poder se limita a um público mais novo, se engana. Este ano, trabalhamos com o universo de 14 a 34 anos e os resultados demonstram que o consumo de conteúdo no YouTube vai muito além dos jovens.

Uma outra novidade é que, pela primeira vez, um criador da plataforma ocupa a primeira posição do ranking; o piauiense Whindersson Nunes, que hoje possui o canal com o maior número de inscritos do país, com quase 23 milhões de seguidores.

Das 10 personalidades do ranking, quatro são criadores de conteúdo do YouTube: Flavia Calina, Julio Cocielo, Felipe Castanhari e Felipe Neto. Também estão na lista nomes conhecidos do mundo da TV, como Rodrigo Faro, Lázaro Ramos, Taís Araújo, Juliana Paes e Paola Oliveira.

– Ah, mas não é todo ano a mesma coisa? Nem de longe. A preferência do público é dinâmica e o ranking de 2017 traz seis novos nomes, sendo três YouTubers e três artistas da TV. (Para relembrar o ranking do ano passado, clique aqui.)

E não são apenas as personalidades que variam de ano para ano, os temas também. A presença da YouTuber Flavia Calina na lista revela que um assunto ficou mais relevante para o público: a maternidade.

Mas o que torna essas pessoas tão interessantes para o público? A “fórmula de sucesso” dos YouTubers traz um misto de admiração e proximidade que, juntas, geram uma relação de identidade com o público.

Deixe uma resposta

Tags Permitidas

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>