5 dicas de como aplicar o marketing de conteúdo no seu e-commerce

Os meios digitais estão inseridos na rotina de muitas pessoas, o que proporciona às empresas que buscam alcançar o público-alvo a oferta de marketing de conteúdo para falar sobre os produtos e serviços, além de reforçar a marca no mercado consumidor. 

O marketing de conteúdo envolve a criação e distribuição de conteúdo criativo e relevante, projetar exatamente para atrair os consumidores que querem saber mais sobre as marcas. 

Além disso, inserido dentro de planejamentos e campanhas de marketing digital, surgem ferramentas como:

  • Blog para artigos e textos;
  • E-mail marketing;
  • Lojas virtuais;
  • Redes sociais;
  • Sites institucionais.

Cada uma delas possui um objetivo específico, mas com a finalidade máxima de envolver as pessoas e promover os produtos e serviços de uma empresa. 

É possível empregar a essas ferramentas digitais funções diversas, como falar com os leads, ou seja, os clientes em potencial, atender às necessidades de ofertas e promoções e, mais óbvio, mostrar ao público como os produtos e serviços podem ser a solução de diferentes problemas. 

Muitas empresas, especialmente as menores, hesitam em se aproximar da internet, enquanto alguns acreditam que o auge de blogs e sites passou há muito tempo. Outros têm certeza de que há outras formas de marketing que estão mais propensas a garantir resultados promissores. 

No entanto, o marketing de conteúdo pode ser uma maneira certeira para chamar a atenção e atrair clientes para uma loja virtual de forma contínua e orgânica.

O que é preciso, na verdade, é saber como fazer isso certo. As informações a seguir têm o intuito de apresentar as melhores práticas para aplicar o marketing de conteúdo, assim como os benefícios que estão atrelados a essa estratégia que se mostra cada vez mais eficaz.

Razões para utilizar o marketing de conteúdo

Não importa o tipo de negócio que um empreendedor está inserido, o conteúdo pode desempenhar papel fundamental dentro da estratégia de marketing voltada para a internet. 

Fornecer conteúdo relevante e valioso é inegociável para qualquer nicho de mercado. Pode ser um fabricante de amaciante, um veterinário, um fornecedor de materiais do setor da saúde, ou algo completamente diferente. 

Independentemente disso, os clientes querem conteúdo valioso, e isso é o que toda empresa precisa entregar para eles. A seguir estão 5 razões do porquê isso é importante.

  1. Seja notado ante a concorrência

A publicação consistente de novos conteúdos na internet faz com que a empresa seja notada não só pela concorrência e pelos leads, mas também para melhorar a classificação nos mecanismos de busca. 

Quer fazer uma publicação sobre as facilidades que o filme stretch proporciona para quem os utiliza? Utilize palavras-chave dentro de um conteúdo rico de informação e conteúdo relevante.

Quem publica de forma regular e utiliza a prática de SEO (Search Engine Optimization), ou seja, a otimização do motor de busca, torna mais fácil para o site ou o blog corporativo se classificar de forma orgânica para palavras-chave essenciais. 

  1. Torne-se relevante e tenha destaque

Quanto mais postagens com novidades, mais fácil se torna ranquear entre os primeiros resultados de pesquisa dos mecanismos de busca.

Isso ocorre porque os algoritmos das plataformas de pesquisa enxergam no marketing de conteúdo algo interessante e relevante. 

Assim, se as publicações se tornarem regulares, as chances de que a marca seja muito mais visível para os clientes que fazem pesquisa incessantemente por palavras-chave aumentam de forma considerável.

  1. Ofereça valor aos clientes

O marketing de conteúdo se mostra uma maneira eficaz de oferecer aos clientes algo de valor e, melhor, totalmente gratuito. 

Nos dias atuais, quase não há um comércio eletrônico que esteja totalmente insaturado. Por isso é preciso ir além, e oferecer aos potenciais clientes algo de valor, seja em forma de postagens sobre areia para filtro de piscina, envio de e-mail marketing, e criação de podcasts e vídeos.

Tutoriais, manuais de instrução, relatórios e e-books para download também são vistos com bons olhos, assim como webinar para apresentação de novos produtos e serviços. 

  1. Estabeleça-se como um líder social

Após garantir o conteúdo, é preciso maximizar a exposição postando links em perfis de redes sociais, e adicionando postagens a sites relacionados. 

Os criadores de conteúdo compartilham conversas sociais, o que engloba materiais de qualidade de acordo com as características de cada rede social. 

  1. Crie confiança entre os clientes

Os usuários de internet que visitam um site com a intenção de compra, ou contratação de um escritório especializado em gestão condominial, por exemplo, provavelmente sairá imediatamente se não encontrarem o que estão procurando de fato.

Por outro lado, os usuários interessados em ler, assistir, ouvir ou interagir com um conteúdo de qualidade, provavelmente permanecerão nas páginas. 

Isso permite que o público estabeleça uma familiaridade e confiança junto à marca. Juntamente com produtos de qualidade, essa característica pode transformar os leads em clientes engajados e fidelizados. 

5 dicas para marketing de conteúdo

Tendo em vista todas as possibilidades que o marketing de conteúdo oferece, é preciso colocar em prática para alcançar o público-alvo de maneira orgânica. 

Vale lembrar, entretanto, que não é tão simples como digitar alguns parágrafos, apertar o botão de publicação e aguardar ansiosamente que os clientes apareçam. 

Como qualquer campanha de marketing, esse tipo de ação requer reflexão e preparação. Aqui estão 5 dicas para melhorar a estratégia de marketing de conteúdo.

  1. Defina uma meta plausível

O que uma empresa espera alcançar? Quais são as metas enquanto empreendedor? É preciso aumentar as vendas ou ter o reconhecimento da marca?

Saber o que se espera alcançar com a ação impulsiona a criação dos conteúdos, tornando-os muito mais relevantes e atraentes para o público-alvo. 

Uma meta fornece uma medida de sucesso enquanto se publica um material condizente e de acordo com as convicções como empresário.

  1. Fale com o público

Quando se cria uma loja online, o normal é escolher os dados demográficos como alvo logo no início. 

No entanto, é preciso saber, ou então descobrir o que o público está procurando, e isso se aplica a qualquer tipo de marketing, e não só o de conteúdo. 

Geralmente, as estratégias de marketing alertam contra a suposição de que todos os clientes pensam da mesma forma. 

No marketing de conteúdo, porém, não é possível escrever versões diferentes da mesma postagem sobre película antivandalismo 3M para um blog, e pensar em grupos diferentes. É preciso determinar como falar com todos de uma única vez. 

Pode ser de uma forma mais ampla, ou então segmentar o público maior e mais importante. 

  1. Sempre inclua um CTA

Não pense no marketing de conteúdo como anúncio. Esse é um erro que não passa batido. Ao invés disso, dê aos clientes algo para fazer dentro do material publicado. 

Um CTA (Call To Action), ou seja, chamado para a ação, é um comando que as pessoas podem seguir, como “saiba mais sobre bolos confeitados para festa de aniversário”, ou então “confira as últimas novidades da marca na região”.

Essas diretivas podem ajudar a impulsionar as metas e aumentar as conversões de leads para clientes fiéis.

  1. Seja consistente e integre conteúdo

Nem sempre é necessário criar conteúdo diferente para plataformas diferentes. Além de perder um tempo considerável, a mensagem se dilui entre os processos. 

Contudo, tal estratégia traz mais poder às ações e mais alcance para a marca. Para isso, é preciso criar uma relação entre os materiais, de forma que estes se complementem e agreguem mais valor à experiência. 

Mais ainda, para criar tal integração, é preciso considerar quais canais o público está, tornando-o vantajoso para a criação de materiais para a plataforma.

O objetivo é criar conteúdo sobre como os galpões de lona podem ser aplicados em diferentes situações na construção civil, desde que seja um texto de alta qualidade, e que todos os clientes precisam ler. 

Logo, não importa como eles acessam o conteúdo, eles recebem uma mensagem clara e o apelo à ação.

  1. Compartilhe o conteúdo nas redes sociais

As pessoas nem sempre estão interessadas em compartilhar páginas de produtos ou anúncios. Entretanto, muitas pessoas podem compartilhar uma postagem de um blog, se o conteúdo tiver alguma relevância e valor para alcançar mais pessoas. 

Vale incentivar isso compartilhando postagens do blog, ou ofertas e descontos da loja virtual, em plataformas de redes sociais próprias. 

Criar conteúdo forte é fundamental para aumentar as chances de se espalhar pelos mais diversos canais, pois os clientes querem saber se vale a pena fazer o conserto de Iphone, se é preciso recorrer à garantia ou é melhor comprar um aparelho celular novo. 

Conclusão

O marketing de conteúdo pode fazer muito bem para uma loja virtual e a marca, de uma maneira geral. 

Um blog pode ajudar a criar relacionamentos duradouros no setor em que atua, assim como aumentar o valor do SEO e a autoridade de domínio do site. 

Ele tem o poder de ajudar a alcançar os clientes de maneiras muito mais difíceis, senão impossíveis, com outras formas de marketing. 

Por isso, quem deseja gerar interesse e persuadir clientes em potencial, a dica mais importante é que precisa dedicar tempo, atenção e todo o cuidado que o marketing de conteúdo merece. 

Acima de tudo, é preciso entender que publicações de blogs mal editados, postagens dúbias em redes sociais, ou mesmo uma simples menção a um assunto polêmico, podem levar tudo por água abaixo. 

Por isso é preciso ter conteúdos bem escritos, e que mantenha um tom atencioso, e assim tornar o site um recurso indispensável para os usuários da internet e para o crescimento do negócio.Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.